segunda-feira, 20 de março de 2017






Ali passava ele a contempla-la muito, bem mais que vê-la, a admirava mesmo, sorvendo-a, inebriado com sua voz maviosa, embebido nela como se fosse fonte. Era a vida dele, o seu entusiasmo, que emanava daquele tanto amor, ressurgido, renovado, como antes, forte. Que invencível amor! É o que dirão um dia.
(EB) O POETA DAS ROSAS

1 comentários:

evandro junior disse...

Obrigado pela deferência e carinho para com minhas letras, querida minha, inspirados com amor por minha musa.

Postar um comentário

deixem seus comentários

 
Amor não tem idade. Design by Exotic Mommie. Illustraion By DaPino