segunda-feira, 9 de janeiro de 2017

...Se bem que em teu corpo, minha linda mulher, colosso do artista que a mim enlouquece, no rumo do vai e do vem que apetece, eu lembro e aparecem ardentes palavras. Pois, lembro o que sinto em tuas linhas de fogo, o que troco contigo, minha Branca, em delícias. E digo que te escrever é bem natural, como a respiração, é vital, consequência...
(EB) O POETA DAS ROSAS

1 comentários:

evandro junior disse...

Obrigado pela constante consideração e carinho que tens pelos meus versos, minha querida. Minha lira toca avidamente para ti.

Postar um comentário

deixem seus comentários

 
Amor não tem idade. Design by Exotic Mommie. Illustraion By DaPino