sexta-feira, 16 de setembro de 2016






Penso em Branca, meu sonho profundo
Por tudo que muito ainda suplico
Minha adorada, sempre minha musa
Na luz do luar só vestida de mim
Penso em Branca, me sinto em delírio
Que sonho de amar, viver seus carinhos
Fazendo-a chorar de muito prazer
Cuidando bem dela, meu sonho de amor
(EB) O POETA DAS ROSAS

0 comentários:

Postar um comentário

deixem seus comentários

 
Amor não tem idade. Design by Exotic Mommie. Illustraion By DaPino